O primeiro trimestre de 2017 trouxe números extremamente positivos e surpreendentes para a Oracle, com resultados acima do esperado em relação à receita e lucro previstos. Essas conquistas comprovam como a transição das aplicações para o Cloud Service vem sendo eficaz para o crescimento da empresa.

Os valores analisados, obtidos após a aquisição da NetSuite no último mês de julho, também evidenciam o potencial da nova abordagem em nuvem da companhia. Com esse acordo, a Oracle ganhou ainda mais força para encarar outros grandes players, como a Workday e a Salesforce.

Examinando-se os números, as ações da empresa subiram cerca de 3,3%, alcançando a marca de US$ 44,45 na negociação na segunda quinzena de março. Enquanto os resultados de licenciamento apresentaram uma queda de 16%, as vendas de software e serviços voltados para Cloud subiram quase 62%, totalizando quase US$ 1,19 bi.

Uma análise anterior da Reuters presumia que a Oracle alcançaria em média uma receita de US$ 9,26 bi, com um lucro líquido de cerca de US$ 0,62 por ação. O resultado, porém, superou todas as expectativas: com um lucro líquido total alcançando a marca de US$ 2,24 bi (US$ 0,69 por ação), a empresa não apenas progrediu em comparação ao ano anterior, mas alcançou uma receita de US$ 9,27 bi, com lucro de US$ 0,69 por ação.

Acompanhando as tendências atuais do mercado e as necessidades específicas em Cloud Service, a EBSDBA é parceira certificada em soluções e aplicações da Oracle e conta com profissionais especialistas para oferecer o suporte necessário nas implementações Cloud. Visite nosso site e conheça todas as possibilidades das soluções em nuvem: http://bit.ly/2k7WAhe

Fonte: Reuters – http://bit.ly/2o0BweU

Recommended Posts

Deixe um comentário